TERMOPARES
TERMOPARES
TEMPERATURA
OUTROS ASSUNTOS
SERVIÇOS
INFORMAMOS

A escolha de um termopar para um determinado serviço deve ser feita considerando-se todas as características e normas exigidas pelo processo, tais como:

a) Faixa de temperatura - A faixa de temperatura do termopar deve ser compatível com a do processo.

b) Precisão - Escolher o termopar que melhor atende a precisão requerida pelo processo ou por normas aplicáveis.

c) Potência termoelétrica - Escolher o termopar que apresente maior potência termoelétrica na faixa de temperatura do processo, no qual será aplicado.

d) Condições de trabalho - Analisar as condições de trabalho como exigências mecânicas e atmosfera do processo, para especificar convenientemente o material da proteção.

e) Velocidade de resposta - Em certos processos, a velocidade de resposta é importante; portanto, nesses casos, deve-se dimensionar adequadamente o termopar para atender este item.

f) Custo - Deve-se escolher o termopar que atenda todas as exigências técnicas requeridas e apresente o menor custo relativo.

A fabricação de termopares requer técnicas especiais; portanto, se o equipamento e a habilidade requerida para fabricação dos mesmos não forem adequados, é recomendado que o usuário compre os termopares prontos, pois técnicas impróprias podem resultar em erros significativos na medição de temperatura.
Os fios para confecção de termopares devem ser comprados de preferência em pares, para assegurar a precisão dentro dos limites de erros normalizados.
É essencial que o termopar tenha a mesma calibração que o instrumento com o qual será usado.
Para os termopares tipos "S", "R" e "B", recomenda-se que o isolante seja de óxido de alumina e em uma só peça em todo o seu comprimento, conseguindo-se assim um conjunto adequado a minimizar o "cansaço" do fio de metal nobre.
A proteção é utilizada na maioria das instalações dos termopares para prevenir a contaminação destes, a proteção mecânica e a sustentação.
O diâmetro da proteção deve ser adequado para acomodar o elemento do termopar, entretanto, proteções com diâmetros maiores são necessários para aumentar a resistência mecânica, permitir a introdução de um termopar de checagem e manter uma atmosfera oxidante dentro do tubo de proteção para utilização dos termopares tipo "K" e "E".

Veja também: As 3 leis básicas // Lei dos Metais Intermediários // Lei do Circuito Homogênio //
Lei das Temperaturas Intermediárias //
Temperatura Diferencial // Curva da Variação da F.E.M. Termopares //
Associação Termopares Paralelo // Seleção de Termopares // Instalação Termopares //
Envelhecimento dos Termopares // Vantagens e Desvantagens Termopar x Pt-100 //
EM CASO DE DÚVIDAS...

Para isto, basta enviar um e-mail a nossa redação como segue:


termopares@termopares.com.br

  ÚLTIMAS DICAS E DEPOIMENTOS DE USUÁRIOS...  

Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor ou citação da fonte www.termopares.com.br
Temperatura - Pressão © 1999 - 2013 - SP - www.termopares.com.br - www.asme.com.br - www.Apraiagrande.com.br
Conteúdo destinado a Estudantes, Profissionais de Instrumentação, Automação, Projetos com o objetivo de esclarecer e tirar dúvidas.
O Portal não se responsabiliza por qualquer uso indevido de seu conteúdo sem a presença de um profissional responsável.