TERMOPARES
TERMOPARES
TEMPERATURA
OUTROS ASSUNTOS
SERVIÇOS
INFORMAMOS

No que concerne ao diâmetro dos fios, observamos que os termopares de fio de grande diâmetro envelhecem mais lentamente que aqueles constituídos por fios de pequeno diâmetro.
Quanto à atmosfera, influi decisivamente no envelhecimento. Por exemplo, em altas temperaturas um termopar platina rhodio-platina se modifica se ele for introduzido em um meio redutor.
Quanto à temperatura, se o termopar for sempre submetido a valores médios ou inferiores a 700°C para termopares ferro-constantan e chomel-alumel e 1100°C para os termopares platina rhodio-platina, o envelhecimento será muito lento. O envelhecimento será tanto mais rápido quanto mais alta for a temperatura.

De modo geral, os termopares que são submetidos a mudanças bruscas de temperatura como por exemplo a colocação de um sensor de temperatura padrão, afim de verificarmos a temperatura real do local. O simples fato de inserir a uma alta temperatura e logo após a medida retirarmos o mesmo as condições do ambiente, ele com pouco tempo de uso tende a descalibrar; isso é muito perigoso pois apesar de termos um sensor padrão neste caso, poderemos a um certo tempo estarmos verificando temperaturas erradas, com o mesmo.

Afim de se evitar esse problema, precisamos através de um histórico particular de cada processo que poderá variar inclusive pela quantidade que o mesmo é inserido no processo e, esta quantidade, uma vez calculada deverá ser mantida.

Vamos supor que tal sensor está sendo utilizado e após um mês de uso verificamos a sua calibração; caso esteja certa após o segundo mês repetimos a operação assim por diante. Isso até chegarmos em um prazo em que o mesmo apresentou variações, e apartir daí estipularmos o período ideal para fazer uma troca preventiva no sensor padrão.

Veja também: Tabela de Milivoltagem Termopares // Milivoltagem Termopar tipo K (CrAl) //
Milivoltagem Termopar tipo J (FeCo) // Milivoltagem Termopar tipo T (CuCo) //
Milivoltagem Termopar tipo E (CrCo) // Milivoltagem Termopar tipo S (PtPtRh10%) //
Milivoltagem Termopar tipo R (PtPtRh13%) // Milivoltagem Termopar tipo B (PtRh 30% PtRh 6%) //
Milivoltagem Termopar tipo N (Nisil/ Nicrosil) //
EM CASO DE DÚVIDAS...

Para isto, basta enviar um e-mail a nossa redação como segue:


termopares@termopares.com.br

  ÚLTIMAS DICAS E DEPOIMENTOS DE USUÁRIOS...  

Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem a expressa autorização do autor ou citação da fonte www.termopares.com.br
Temperatura - Pressão © 1999 - 2013 - SP - www.termopares.com.br - www.asme.com.br - www.Apraiagrande.com.br
Conteúdo destinado a Estudantes, Profissionais de Instrumentação, Automação, Projetos com o objetivo de esclarecer e tirar dúvidas.
O Portal não se responsabiliza por qualquer uso indevido de seu conteúdo sem a presença de um profissional responsável.